Como fazer sua alimentação na gravidez sem engordar muito

Legumes

Warning: mysqli_num_fields() expects parameter 1 to be mysqli_result, boolean given in /home/guiap629/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 3215

Warning: mysqli_num_fields() expects parameter 1 to be mysqli_result, boolean given in /home/guiap629/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 3215

Warning: mysqli_num_fields() expects parameter 1 to be mysqli_result, boolean given in /home/guiap629/public_html/wp-includes/wp-db.php on line 3215

Imagine ter uma boa alimentação na gravidez, comer bem, ingerir todos os nutrientes para um bom desenvolvimento para o bebê, não engordar muito e depois do parto voltar a ter seu corpo com saúde.. Bom demais né?

Toda gestante sabe que a boa alimentação é fundamental para mãe e bebê. Mas o que realmente é bom ou não comer? Pode fazer exercícios?

Fique tranquila que você não é a única a ter essas dúvidas, continue lendo para ter mais informações.

Buscar conhecimento nos torna mais seguras para essa linda jornada que é a maternidade.

Bom, o que comer então para o pleno crescimento e desenvolvimento do bebê dentro da barriga e ainda evitar engordar muito na gravidez?

  • Variar os alimentos
  • Líquidos
  • Evitar alguns alimentos
  • Reduzir sal e açúcar

 

Variar os alimentos


A boa alimentação na gravidez é aquela que se come um pouco de tudo para garantir todos os nutrientes necessários ao feto, ou seja, carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais.

Ter uma dieta rica em ferro (carne vermelha, feijão, espinafre, beterraba, soja, aveia) e ácido fólico (verduras com cor verde escura). O ferro previne a anemia, e o ácido fólico previne má formação no tubo neural.

Nozes e castanhas contém ômega 6 e ajudam no desenvolvimento do bebê.

  • Proteínas: Carne magra, frango, peixe, ovo branco, feijão, tofu e pasta de amendoim são boas fontes.
  • Carboidratos: Pães, cereais, arroz, batata, macarrão, frutas e vegetais.
  • Cálcio: Leite e derivados (queijos, iogurtes), sardinha, salmão e espinafre.
  • Ferro: Carne vermelha, espinafre, cereais e pães ricos em grão integral.
  • Vitamina A: Cenoura, folhas verde escuras, batata doce.
  • Vitamina C: Frutas cítricas, brócolis e tomate.
  • Ácido fólico: Vegetais verde-escuro, frutas e vegetais amarelo escuro, feijão, amendoim e nozes.
  • Gordura: Carnes, leite e derivados, nozes, creme de amendoim, margarina e óleo vegetal. Só não exagere, prevenindo o sobrepeso.

 

Líquidos


Beber muito líquido para não desidratar e prevenir a prisão de ventre e infecção de urina.

  • Água
  • Água de coco
  • Sucos
  • Chás (gengibre, camomila, erva-cidreira, capim-limão, erva-doce e laranja)

Bebidas geladas com sabor ácido ou amargo ajudam a aliviar o enjôo, por exemplo: chá de gengibre, suco de limão, água tônica.

Nas minhas 2 gestações resolvia os enjoos tomando água com gás muito gelada. Um dia uma amiga disse para espremer um limão nessa água… O enjoo passou instantaneamente, foi incrível! E olha que eu odeio água com gás.

 

Evitar alguns alimentos


E o que evitar nesta dieta?

Cafeína que pode causar aborto espontâneo: refrigerante, chás preto, verde e branco, café, energéticos e chocolate.

Ter muito cuidado com ovos crus, alimentos diet ou light e adoçantes, carne mal passada ou crua, legumes e verduras mal lavados.

Álcool nem pensar hein!

 

Reduzir sal e açúcar


Reduzir açúcar e alimentos gordurosos para não aumentar em excesso o peso da mamãe.

O sal também deve ser consumido com moderação por conta da pressão alta que algumas gestantes desenvolvem.

 

Conclusão

É bom conversar com o médico para saber qual a melhor dieta para você. Tente levar suas dúvidas anotadas, assim não vai esquecer de nada e poderá curtir a gestação sem neuras.

A busca pela informação mostra que você está concentrada em fazer o melhor para ter uma alimentação na gravidez saudável ao mesmo tempo que se prepara para voltar ao corpo de antes.

Quero deixar uma sugestão que encontrei, um guia de orientações nutricionais e alimentares completo e totalmente em vídeo. Imperdível!

Assista o vídeo da própria nutricionista.

Deixe suas sugestões aqui nos comentários para receber mais informações.

Beijos e até a próxima

 

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*